Oia a criatura fazendo bicão...

quarta-feira, abril 28, 2010

Paradoxo Octagonal

As cachorras que se espelham na sombra
E as girafas que balançam suavemente na escuridão
Como o prato afetado
O embrião do ferro acidentado
Lançado nessa paixão
O silencio de suas meias
Queimando em brasa minha habilitação
Oh, bela Matilda!
No cordão umbilical da madrugada, pergunto
Onde comeram minhas velas?
As tripas responderam em vão,
disse
Que assim seja tal acensão
Das pastilhas que corromperam meu amado
O cogumelo doce disse ao pato
Eis que afogado, só que mais Brian Jones!
O loiro esfaqueou-se na montanha
E por lá não morreu
As pedras que conduzem as veias
Nas tigelas estão
Pegue a vassoura e mofe como se não houvesse amanhã!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se for comentar, fale algo inteligente, ou ao menos decente... Ou o fantasma de Brian Jones irá te afogar na privada suja da rodoviaria.