Oia a criatura fazendo bicão...

sexta-feira, março 26, 2010

Uma Tarde Fria de Julho

Contando as horas, contando os dias
Quando é que vou te encontrar?
Quando eu chegar na capital, baby
Vai ser o melhor dia das nossas vidas

Aqui é tudo tão parado
Me sinto tão sozinha nessa multidão
Nunca acho o que preciso
não quer dar um jeito
Na minha solidão?

Quando estivermos juntos
We gonna rock this town
Baby, me faça em pedaços
Eu iria adorar!

Desfilando pela avenida
Nunca me senti tão bem
Ao seu lado, baby
Não poderia estar melhor
Numa tarde de Julho em São Paulo

No final da tarde
Não há lugar melhor
Famos fazer tanta coisa
Aque até o Diabo vai ficar com inveja
O anoitecer frio nunca foi tão quente pra mim
Faça em pedaços essa garotinha, baby
Ela vai adorar!

A noite fria, no porão
As cores de seus quadros me esquentam
Um copo de vinho cairia bem
Você faz valer toda a viagem
Nessa noite fria
dessa vez, tenho uma bela compania
Pra me esquentar
No melhor dia da minha vida
Numa noite fria de Julho

Nunca tive nada parecido
Como pode ser tão boa sua compania?
E tudo fica colorido belico
Então me perco em um românce
Num porão em São Paulo
Na mais quente noite fria
em toda minha vida

Obrigada pela noite e tudo mais
Nunca me senti tão viva
A proxima parada pra nós
você já sabe onde é
Mas antes espero te encontrar denovo
Talvez numa noite quente em Dezembro!

Um comentário:

Se for comentar, fale algo inteligente, ou ao menos decente... Ou o fantasma de Brian Jones irá te afogar na privada suja da rodoviaria.